Live debate cadeia produtiva do sisal nesta sexta (4)

03/09/2020 | 07:04 |

A Embrapa Algodão realiza nesta sexta (4), às 9h30, uma live sobre a cadeia produtiva do sisal no Brasil, reunindo os principais representantes desse segmento. “O objetivo é promover a aproximação dos diferentes elos da cadeia produtiva do sisal e contribuir para o reordenamento desta cadeia produtiva, desde o seu elo primário até o mercado, partilhando meios para torná-la sustentável”, afirma Waltemilton Cartaxo, especialista da Embrapa Algodão e coordenador o evento.

Entre os participantes estarão pesquisadores da Embrapa e de universidades, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, representante de empresas e associações de produtores ligados à cultura do sisal.

O cultivo do sisal (Agave sisalana) se concentra na região Nordeste, onde ocupa uma área de aproximadamente 200 mil hectares, distribuídos em 82 municípios. A maior parte da produção está na Bahia (97%) e na Paraíba (3%), onde é cultivado predominantemente por pequenos produtores. Na indústria, a fibra de sisal é convertida em fios, cordas, barbantes, tapetes e mantas. Também pode ser utilizada na fabricação de pasta celulósica de alta resistência, na indústria automotiva, na produção de móveis, eletrodomésticos e na construção civil.

A live será transmitida em: youtube.com/embrapa

Serviço:

Live sobre reordenamento da cadeia produtiva do sisal no Brasil

Data: 4 de setembro (sexta-feira)

Hora: 9h30

Edna Santos (MTB/CE 1700)

Embrapa Algodão

Contatos para a imprensa

algodao.imprensa@embrapa.br

Telefone: (83)99968-6339

Mais informações sobre o tema

Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)

www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Redação com Ascom