Bolsonaro se reúne com Toffoli, Alcolumbre e indicado ao Supremo Tribunal Federal

04/10/2020 | 07:51 |

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu na noite deste sábado (3) com o ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e com o indicado ao STF Kassio Nunes Marques.

A reunião aconteceu na casa do ministro Dias Toffoli em Brasília, onde os participantes também assistiram à vitória do Palmeiras sobre o Ceará, pela 13ª rodada do Brasileirão. Os convidados deixaram o local por volta das 22h30.

O compromisso não estava previsto nas agendas dos presidentes da República e do Senado; e na do ministro do STF deste sábado.

O encontro na casa de Toffoli aconteceu dois dias após Bolsonaro anunciar a indicação de Kassio Nunes Marques ao Supremo, na cadeira que ficará vaga com a aposentadoria do ministro Celso de Mello.

O decano, ministro mais antigo do Supremo, se aposentaria compulsoriamente em novembro quando completa 75 anos de idade. Entretanto, Celso de Mello antecipou a saída e deixará o STF no próximo dia 13 de outubro.

A indicação do desembargador do Tribunal Regional Federal da 1ª Região Kassio Nunes Marques aconteceu na última quinta-feira (1º).

Antes de tomar posse no STF, Kássio Marques terá de ser sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e ter o nome aprovado pelo colegiado e pelo plenário da Casa Legislativa. As votações são secretas.

A presidente da CCJ, Simone Tebet (MDB-MS), já informou que a comissão só analisará o indicado após a saída de Celso de Mello da Corte. Enquanto isso, Kassio Marques tem feito contatos com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e está procurando os demais parlamentares em busca de apoio à sua indicação.

Redação