No Sertão paraibano, homem é morto e três pessoas ficam feridas durante briga após final da Libertadores

Por |

Policial penal é suspeito de atirar contra as vítimas em um espetinho na cidade de Bernardino Batista, onde todos assistiam ao jogo entre Flamengo e Palmeiras.

Um homem de 47 anos foi morto e outras três pessoas ficaram feridas após uma confusão entre torcedores depois do jogo entre Flamengo e Palmeiras na final da Libertadores da América 2021, no sábado (27), em Bernardino Batista, no Sertão paraibano. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito de atirar contra as vítimas é um policial penal, de 38 anos, e foi preso em flagrante.

Segundo o delegado Ilamilton Simplicio, o suspeito e as vítimas estavam bebendo e assistindo ao jogo em um espetinho no centro da cidade. Em um determinado momento, houve um desentendimento por causa do jogo e o policial sacou a arma.

“Houve uma confusão e ele atirou contra os torcedores, matando um no local e ferindo outros três”, conta Ilamilton.

Um adolescente de 17 anos, um jovem de 27 e uma mulher de 40 anos ficaram feridas e foram socorridas, sendo levadas para o Hospital Regional de Cajazeiras. O suspeito foi preso em flagrante pela Polícia Militar e levado para a delegacia, sendo transferido neste domingo (28) para o Presídio Regional de Cajazeiras após a Justiça decretar prisão preventiva.

Com G1/PB

    Sem tags.