Bolsonaro participa de lanchaciata de jet-ski em Brasília neste domingo (15)

Por - em 2 meses atrás 34

O presidente Jair Bolsonaro (PL) pilotou neste domingo (15) uma moto em visitas ao comércio de Brasília e jet-ski durante ato pró-governo no Lago Paranoá, também na capital federal.

Entre uma agenda e outra, Bolsonaro disse que só “imbecil” ou “psicopata” afirma serem antidemocráticas as manifestações em apoio a ele realizadas no 7 de Setembro de 2021, com raiz golpista, e no último 1º de maio.

“Um maluco levanta uma faixa lá: AI-5, existe AI-5? Tem que ter pena do cara”, disse ele, ao ser questionado sobre ataques ao Congresso e ao Judiciário registrados em manifestações governistas.

“Só um psicopata ou um imbecil para dizer que os movimentos de 7 de Setembro e 1º de Maio atentam contra a democracia. Quem diz isso é um psicopata ou imbecil”, declarou Bolsonaro.

O presidente também minimizou pedidos intervenção militar feito por seus apoiadores. “Está atentando contra a democracia quem falar de ‘Forças Armadas, faça isso, faça aquilo?'”

“Eu sou chefe das Forças Armadas. Acha que um maluco vai levantar uma faixa e vou para lá? Para de ser ingênuo”, disse ainda Bolsonaro.

Durante a manhã, o presidente visitou, de moto, o comércio no Guará (DF) e a Feira dos Importados de Brasília sendo ovacionado por um grande número de pessoas presentes.

Ele estava acompanhado dos generais da reserva Braga Netto, possível candidato a vice-presidente na sua chapa, e Luiz Eduardo Ramos, ministro da Secretaria-Geral da Presidência.

O presidente também foi a uma loja de motos da Harley-Davidson na capital federal. Em seguida, conversou com apoiadores e com a imprensa na Praça dos Três Poderes.

“Tem que ter pena dessas pessoas, não querer prender. Usar o seu poder para humilhar, tirar liberdade, multar a pessoa”, disse o presidente.

Bolsonaro tem criticado decisões do STF (Supremo Tribunal Federal) e do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) contra apoiadores do governo.

No começo da tarde, o presidente pilotou por poucos minutos um jet-ski da Marinha em ato chamado de lanchaciata por seus apoiadores.

O evento reuniu um grande número de barcos e lanchas na região do Lago Paranoá próxima ao Palácio da Alvorada.

Alguns barcos cobravam de R$ 60 a R$ 150 para acompanhar a manifestação. Havia desconto para quem estivesse com roupas das cores da bandeira do Brasil.

O presidente voltou a afirmar que não quer dar um golpe, independentemente do resultado das eleições. “Eu já sou presidente, vou dar golpe em mim mesmo? Que idiotice”, disse ele.

Bolsonaro levantou mais uma vez dúvidas sobre o sistema eleitoral neste domingo. “Eleições limpas, se eles querem, eu também quero”, disse.

As declarações de Bolsonaro foram feitas dias após o TSE negar sugestões das Forças Armadas ao processo eleitoral.

“As Forças Armadas foram convidadas a participar [da discussão do TSE sobre o pleito], não estamos nos metendo lá”, disse Bolsonaro.

O presidente do TSE, Edson Fachin, reagiu na quinta-feira (12) aos questionamentos de Bolsonaro e dos militares. O ministro disse que quem trata das eleições são as “forças desarmadas”.

Neste domingo, Bolsonaro disse que pediu para o ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira, apresentar à imprensa os questionamentos dos militares às urnas.

“Sugeri ao ministro da Defesa que, com vocês, da mídia, se discuta publicamente as sugestões apresentadas pelas Forças Armadas para que vocês tomem conhecimento sobre o que está acontecendo”, afirmou Bolsonaro.

Redação com Folhapress

    Sem tags.